quinta-feira, 25 de novembro de 2010

E agora estou hábil a construir mais castelos de areias virtuais.





Por que voltar? Por que não ir? Por que permanecer? Por que se estabelecer? Por que insistir? Por que ser mais um? Foram estas perguntas que nortearam uma tomada de decisão que ainda se faz carne. É esta: continuar escrevendo, dividindo, partilhando, confidenciando, limitando, reagindo, insistindo... E vou indo. 

Dizem que máscaras caem de tempos em tempos. Que mesmo nós vivos, matamos alguns de nós para que nasçam outros. Com esta mesma pele, com estes mesmos olhos, com estas mesmas cicatrizes, com esses nós de feridas abertas... 

Ter pessoalidades (in)constantes. Sempre me coloco entre o SIM e o NÃO. Chega um determinado tempo que penso " preciso mudar preciso mudar preciso mudar'. Então, vou deletando, apagando, excluindo... Estar aqui é mudar quase 360°. 

Eu não acredito em libertações radicais.
Libertar-se é paulatino. E ainda há quem diga que liberdade e risco se conjugam mutuamente. É o risco que nos faz praticar a liberdade de assumir: Vou fazer isto, mesmo sabendo as possíveis consequências. Liberdade, risco e prazer.



Estar aqui me faz ser mais feliz, quem sabe.
Mais humano, quem sabe.
Mais perfeito, quem sabe.

Grandes risos eloquentes!
E agora estou hábil a construir mais castelos de areias virtuais.




7 comentários:

Rosa da Rosa disse...

...aprender a ser livre... sendo feliz! Estou feliz em poder te visitar na sua casa (vistual)!

Paula Barros disse...

Vi um comentário seu no blog de Mente Hiperativa. E achei que indicava alguém que escreve bem.

Venho de lá, e lá me faz refletir. E eu gosto. Chego aqui e mais reflexões.

De tempos em tempos reflito o ir e o ficar, reflito o porque manter um blog, repenso os contatos que mantenho....mas são blogs que me fazem refletir, que me mostram fotografias, a arte, são pessoas que escrevem bem, que me dão ânimo para continuar.

Esta semana estava deletando algumas coisas do computador, e me dizendo, é preciso deletar algumas pessoas, alguns sentimentos....esta parte é mais difícil, mas é refletindo que vamos conseguindo, acredito.

Foi bom ter estado aqui.

danó disse...

Gostei ;)

Kati Froes disse...

Há algum tempo descobri um espaço e uma pessoa especial em um lugar incomum. Você não imagina o quanto é bom ler e sentir suas palavras, o quão harmoniosas e sinceras soam, e me sinto realmente muito feliz em ter encontrado em uma pessoa tão distante geograficamente, uma afinidade tão especial.
Querido, espero que você continue a dividir e somar as suas experiências, e eu como admiradora do seu talento estarei aqui para te prestigiar.
Beijos...

Silene Neves disse...

... e eu sei... quem sabe! Ler vc melhora minha vida... ler vc é polir minha alma! Suas palavras parecem que saem de dentro de mim... vc me diz aquilo que eu não consigo dizer para mim mesma!

Amo vc Amigo!
Deixo meu beijo doce com carinho
Sil
Sempre aqui

Tenha uma linda semana!

Bruno Dezinho disse...

Sou eu, passando por aqui.

Mente Hiperativa disse...

Algumas mudanças são paulatinas, graduais, outras precisam ser imediatas. Bom, isso pouco importa, a vida às vezes nos prega peças que fazem mudanças sem que nos perguntar a velocidade que elas devem ter.

Não acredito em predestinação, o destino é consequencia de nossas escolhas, e as mudanças podem ser causa ou consequencia.